sábado, 8 de junho de 2013

Sorriso saudável, criança feliz!

A saúde bucal é fundamental para a nossa saúde como um todo, dentes e gengivas fortes, são elementos básicos para o começo do processo de digestão.
A higienização bucal na infância, mesmo antes de quaisquer dentes terem nascidos é essencial para que os futuros dentes permanentes sejam saudáveis. Contudo, as mães não sabem dessa importância, tampouco cuidam destes, deixando bactérias e micro-organismos prejudicarem a saúde do bebê.
Embora nossos filhos tenham nascido sem dentes, é importante começar a limpar a boca do bebê desde cedo, alguns dias após o nascimento. Depois de cada refeição, recomenda-se limpar as gengivas do bebê com um algodão ou gaze umedecida para remover a placa bacteriana. Isso ensina, desde cedo, a importância da higiene oral e dá a sensação de dentes e gengiva limpos.
A cárie pode ocorrer logo depois do aparecimento dos dentes. Um tipo grave de cárie entre os bebês muito jovens é aquela que decorre do uso da mamadeira. Essa cárie pode surgir quando o bebê fica continuamente com a mamadeira com leite, alimento infantil, água com açúcar ou suco de fruta na boca enquanto dorme. Se esses líquidos ficarem empoçados ao redor dos dentes da criança durante o sono, eles serão atacados pelos ácidos durante longos períodos de tempo, resultando na cárie. Se a mamadeira for usada como chupeta na hora de dormir, ela deverá conter apenas água. E as chupetas nunca devem ser mergulhadas em mel ou açúcar.
Alguns mitos, como os dentes já nascerem cariados ou o “enfraquecimento” dos dentinhos por uso de antibióticos podem até justificar o aparecimento dessas cáries tão precoces, mas a realidade é que cárie é mesmo o resultado de alimentação cariogênica (açúcares e carboidratos) associada à falta de higiene!
Veja os hábitos do bem, que protegerão seu filho de cárie.
- Escovar os dentes após todas as refeições;
- Usar fio dental;
- Proporcionar uma alimentação saudável, sem abuso de doces;
- Incentivar o consumo de maçã e cenoura cruas, além de frutas, legumes e verduras, em geral;
- Fornecer alimentos que estimulem o bebê a mastigar;
- Oferecer água e sucos naturais de frutas não ácidas, sem a adição de açúcar (como melão e melancia);
- Levar o bebê periodicamente ao dentista para fazer a prevenção (aplicação de selante, caso necessário, limpeza, aplicação de flúor e orientação aos pais);
- Dar o exemplo da boa higienização bucal em casa;
- Garantir a boa saúde oral das pessoas que convivem com o bebê a fim de evitar o contágio da doença;
- Fazer a transição da mamadeira para o copinho, assim que o bebê tiver coordenação motora para isso.

Confira os hábitos do mal, que devem ser evitados a todo custo. 
- Incluir açúcar na mamadeira e no chá ou oferecer refrigerante;
- Abuso de doces;
- Falta de escovação;
- Pular a visita ao dentista;
- Dar beijo na boca da criança ou compartilhar colheres com ela. Isso pode passar bactérias e deflagrar uma cárie;
- Só dar alimentos líquidos ao bebê, mesmo quando ele já tem dentes.

A partir de um ano de idade, a dedeira deve ser substituída por uma escova dental infantil, apropriada para a idade da criança, o creme dental não é necessário, contudo se preferir opte por uma sem flúor, pois por ser uma criança, ela pode ingerir o creme dental, e com a presença do flúor, pode ocasionar problemas.
Com dois anos, a criança passará a entender essa atividade, procure conversar com seu filho, o porquê disso, explique (de maneira que ela possa entender), isso estimulará a criança a cuidar da saúde dental, tornando essa atitude prazerosa. Compre uma escova colorida, divertida com personagens de desenhos preferidos pela criança. Não é recomendada ainda a pasta com flúor.

O primeiro passo é da mãe. Faça da escovação uma diversão, cante musicas relacionadas, faça brincadeiras com seu filho, torne essa atividade legal e prazerosa.

Nas próximas colunas eu explicarei melhor sobre técnicas de escovação, tipos de escovas, pastas de dente e aplicação de flúor.

Se tiverem dúvidas, fiquem tranquilas para entrar em contato: fernandaguima@hotmail.com

Beijos da Nanda!

Fernanda Guimarães
CRO 14.837/PR
Periodontista
Cirurgiã-dentista, formada pela UFPR em 2002.
Mãe do Afonso, 6 anos.

Um comentário:

Mãe da Juju disse...

Que ótima dicas, muito bom esse blog!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails