sexta-feira, 24 de setembro de 2010

A primeira consulta ao oftalmologista:

A primeira consulta ao especialista deve acontecer até o primeiro ano de vida. O diagnóstico precoce de qualquer doença é fundamental para o desenvolvimento perfeito da visão.

Você já levou seu filho ao oftalmologista? Saiba que não é preciso esperar muito para a primeira consulta. Os cuidados com os olhos são fundamentais para o desenvolvimento da criança.


O primeiro exame nos olhos da criança é realizado assim que ela nasce. É o chamado teste do olhinho. “São observados a cor pupila (que deve ser preta) e os reflexos da luz. Ou seja, ao acender a luz em um olho, a pupila fecha e o outro olho deve reagir também”, diz Paulo Grueenmacher, oftalmologista do Hospital Pequeno Príncipe, de Curitiba.

Os prematuros, por exemplo, em especial aqueles que nascem com menos de 1,5 kg e vão para o oxigênio, precisam de observação constante do oftalmologista, inclusive 90 dias após a alta do hospital, para avaliar se não há nenhuma alteração da retina.

A primeira consulta


Ela deve acontecer no momento em que houver alguma queixa da criança, ou orientação do pediatra, ou como rotina ainda no primeiro ano de vida. “O olho é o órgão que mais se desenvolve nos 12 primeiros meses, e aos 7 anos fica adulto. Por isso, o diagnóstico precoce de qualquer patologia é fundamental”, afirma Paulo. Se o olho for privado de receber nitidez por conta de alguma patologia, dificilmente terá chance de se desenvolver plenamente após essa idade.

O especialista ressalta que a criança pequena não precisa contribuir em nada na consulta. “Temos meios para examinar e medir a acuidade visual inclusive do recém-nascido, provocando movimentos oculares por excitação que já diz se a criança enxerga ou não”, diz.

Em casa, os pais podem observar se há algum problema com a visão da criança. Segundo Paulo, aquelas que caem muitas vezes possivelmente não têm visão de profundidade, e dificuldade em detalhes pequenos. Os pais podem também fazer um teste simples, oferecendo um brinquedo de que goste tampado um olho primeiro e depois o outro, e observar se ela terá a mesma desenvoltura e coordenação quando um dos olhos está vendado.

Os problemas oculares, se não tratados na hora certa, podem levar também a prejuízos àquelas crianças em idade escolar, atrapalhando o aprendizado e o convívio social.

Alterações oculares mais frequentes


Estrabismo - um olho fica alinhado e o outro desviado, prejudicando a visão em terceira dimensão;

Erros de refração - há alteração no grau nos olhos; um pode ser normal e o outro, míope, por exemplo;
Ambliopia, ou olho preguiçoso - anatomicamente, os olhos são normais, porém um deles não se desenvolveu corretamente -- as causas mais freqüentes seriam os erros de refração e o estrabismo, que prejudicam a chegada da imagem nítida no cérebro.

Depois que li essa matéria fui correndo ligar para marcar a primeira consulta oftalmológica da Ana Lu, apesar de ela nunca ter apresentado nada, é nessa consulta que teremos certeza.

E vc já levou seu filho ao oftalmo?

5 comentários:

Fabi disse...

Eu ja levei no ano passado, como tenho glaucoma fiquei preocupada, mas está td normal... Por coiscidência marquei pra todos nós amanhã o Matheus adora ir e faz td direitinho!

Mariana Hart disse...

Meus meninos(prematuros)tem estrabismo e Leo não tem boa parte da visão,acreditamos que ele só enxerga do lado esquerdo já que não responde do lado direito. Já usou óculos de 6 graus de hipermetropia!mas descobrimos que o problema dele é lesão no nervo ótico o que óculos não resolve,é irreversível :(

Pedro usou tampão ocular por um bom tempo p/correção de estrabismo,(o dele é o contrário,olhinho p/fora)se até os 5 anos não melhorar(já melhorou bastante)fará cirurgia a laser.

O teste do olhinho é fundamental!Beijão!

♥ Mamãe da Ana Luiza ♥ disse...

Mari, o estrabismo p/ fora com estimulação até os 7 anos resolve. Se o olhino for p/ dentro não.

Trícia disse...

Gigia já foi pro oftalmo qdo era menor por causa de um terçol, daí em diante sempre fez acompanhamento (qdo necessário); tb fez o teste do olhinho qdo era bbzinha.

Ótimo post!

Anônimo disse...

Nossa que bom saber...vou marcar para meu filho ir...o pai dele que preocupado com isso pq ele já usou o tampão quando era pqno...obrigada pelas dicas eu blog é muito informativo...ainda paara mamães de primeira viagem...como eu... muito obrigada...bjusss

Aline....mamães super poderosas

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails