segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Padrinhos: Uma escolha para vida toda

Ontem (domingo, 15/08) a AnaLu passou uma tarde deliciosa com a Dinda, não sei se já falei aqui, a Dinda que escolhemos pra ela é uma amiga de infância, a minha melhor companheira de adolescente e coreografias do Tchan e fiel companhia confidente de baladas, ficadas, namoros e novas experiências.
Escolher os padrinhos para nossos filhos é uma tarefa dificil, porque além de se tornarem pessoas importantissimas para ele, serão nossos companheiros para a vida toda. Escolhemos pelas pessoas que curtiram a nossa gravidez, que estavam ao nosso lado e se emocionaram a cada nova etapa.
Alguns casais escolhem os padrinhos pelo aspecto financeiro, pelo presente que pode vir de um padrinho endinheirado. Esqueça isso. A escolha dos padrinhos é um momento especial para o pai e mãe e, por isso, é importante convidar pessoas por quem vocês tenham muito carinho e respeito.
Optamos pelo meu irmão (solteiro) e pela Fran (solteira), eles que já foram nossos padrinhos de casamento, era uma forma de demonstrar o nosso carinho e admiração por eles. Sabendo que nossa princesa estará sempre em ótimas mãos. Detalhe: eles tambem são bem amigos, que facilitou tudo.

No dia em que confirmei o sexo do bebê, saí da clinica passei em um floricultura comprei flores e escrevi no cartão mais ou menos assim: "Pedi para o Papai e a Mamãe uma dinda bem legal e eles escolheram vc. Quer ser minha madrinha? Ana Luiza" e mandei entregar. Minutos depois recebi uma ligação de uma pessoa saltitante e super emocionada! Ounnnnnn me apaixonei ainda mais pela madrinha da minha filha.
Eu sei bem que emoção foi essa que ela sentiu, foi a mesma que eu senti em novembro de 2000 qdo fui convidada para batizar a minha flor mais linda e loira do mundo, um presente de Deus na minha vida, a Camila... um sentimento sem igual, um amor sem igual. Sinto falta de não ter ela mais pertinho, mas depois da Miastenia eu não consegui fazer tudo oque eu queria em relação a ela, amo muito vc minha flor!

De presente a AnaLu ganhou o Tio Tony (Antony, namorado da Dinda) e a Mona (Monica, namorada do Dindo) é muito legal ver a relação deles.





Falando em padrinhos eu quero mandar uma super beijoca para os meus que moram lá no Rio Grande Sul, que infelismente não tenho foto para postar aqui. E dizer tambem que eu sou louca varrida pela minha outra madrinha: Lena.

E vc como escolheu os padrinhos de seus filhotinhos?

6 comentários:

Nós por Nós disse...

Meus filhos tem dindos super presentes e carinhosos, escolhemos pessoas próximas, da família, para que essa convivência possa ser pra sempre...

Fernanda disse...

Eu tbem acredito que os padrinhos devem ser pessoas super especiais..Os padrinhos dos meus filhotes foram escolhidos não só pela afinidade que tinhamos, mas principalmente por serem pessoas bem ligadas à familia e a Deus,, Eu sou madrinha de duas lindas que são tbem minhas sobrinhas.. amo de paixão, e só não dou mais de mim, pq não moram na mesma city, mas procuro estar sempre por perto.. Considero uma relação muito importante em nossas vidas.. Ah e amo de koração meus padrinhos tbem, que moram bem ai na sua city..hihi

disse...

...eu não tenho filhos, mas sou dinda e ser dinda é tudoooo de bom!!! Sou apaixonadinha pelos meus pimpolhos!!

Saudades dessa mocinha chamada Kelly!!!

Bjsssssss

Trícia disse...

Os padrinhos da minha filha foram escolhidos por serem pessoas próximas e que sempre tiveram muito carinho por mim e pelo Júlio. São os irmãos dele (a mais velha e o mais novo).

Mariana Hart disse...

Os padrinhos é que susbtituirão os pais no caso deles faltarem não é!?Então tem que ser importante e especial!Tb sou dinda de uma moçoila de mais de 1,70 e 16 anos!Amo!Nossa relação é de amizade e parceiria!

Dani disse...

Bah mas também né??? Não tinham melhores padrinhos pra tu escolher kellynha!!!

A Analu tá muito bem "servida" hahahaha!!!

Beijoooooo

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails